Diogo Piçarra, sucesso no cenário português, esteve no para gravar uma participação com Anavitória e aproveitou para conhecer seus fãs brasileiros em um show intimista realizada na terça-feira, dia 29 de agosto. Não teve uma única alma viva que tenha saído sem ter sido emocionado por Diogo que tem um carisma e simpatia enorme pelo seu público.

Para quem não se lembra, Diogo foi ganhador da edição de 2012 do talent show Ídolos (Portugal), desde então ganha cada vez mais fãs lançando músicas românticas com uma voz incomum.

Durante o show, realizado no Music Ao Vivo em Moema, , cantou tocando o violão seus principais sucessos, começando com com História, depois indo para Dialeto e Só Existo Contigo, além de covers como Shape of You, do Ed Sheeran, o ponto alto da noite foi quando cantou com Anavitória Trevo (Tu), depois de finalizar a noite a pleteia começou a pedir mais uma música, e gentilmente Diogo fez questão de encerrar com Tu e Eu, seu maior sucesso no Youtube.

Mas vamos logo ao que interessa, após o show Diogo concedeu a palavra ao #OGL, e no dia seguinte houve uma coletiva com a imprensa onde ele respondeu mais perguntas.

Bem-vindo ao Brasil Diogo, qual é a sensação de cantar aqui?

Diogo: – Muito obrigado. Cantar aqui é emocionante, um sonho realizado, e os fãs brasileiros são sempre muito calorosos, mas também é um desafio.

O que está achando de São Paulo? Está com vontade de cantar em mais lugares?

Diogo: – Estou com muita vontade sim, São Paulo me deu uma boa demonstração de como seria um turnê por aqui, um povo multicultural muito educado e receptivo. O Brasil é muito bonito, contudo, mesmo no inverno a São Paulo é muito quente (risos).

Como são seus fãs brasileiros? Vi que se emocionou quando viu que o público  não só sabiam todas as letras como interagiam bastante,

Diogo: – Já ouvi falar como são os brasileiros, mas estar aqui é tudo muito diferente, eles interagem como ninguém, são francos, cantam juntos, aplaudem, e o que mais me impressionou é a sinceridade dos gritos e assobios (risos). É um público muito belo, bom para interagir e não tem como não me apaixonar e querer voltar, eu não imaginava que seria tão especial assim.

Suas músicas são sempre muito tocantes, gostaria que falasse um pouco sobre elas.

Diogo: – Cada música tem um propósito, a maioria são sobre , mas não podemos abrir mão da força do pop. E acho que a mistura desses dois que fizeram o público gostar tanto.

É difícil cantar em português?

Diogo: – Sim, sempre é. O mercado em língua portuguesa é sempre muito complicado, em Portugal por ser muito pequeno temos que cantar por outros lugares da Europa, e no Brasil já o contrário, por ser muito grande é disputadíssimo.

Você poderia falar um pouco sobre a parceria com Anavitória?

Diogo: – Elas são maravilhosas e possuem uma voz tocante, cantar com elas é um prazer enorme. Elas são doces e gentis além de saberem exatamente o que estão fazendo no palco, com certeza elas não precisam fazer muito esforço para cativar. Fiquei comovido com a parceria e com a música que para mim é o essencial.

Tem algum outro artista que gostaria de gravar algo?

Diogo: – Quem sabe Anitta (risos).

Com todo esse bom humor, simpatia e carisma, com certeza Diogo Piçarra deixou sua marca impressa no Brasil. E esperamos ansiosos por ele de volta.

Se você ainda não conhecia o Diogo e quer saber um pouco mais sobre o seu trabalho, aqui no #OGL temos alguns conteúdos.