Assistimos ao filme a convite da Imagem Filmes e sua assessoria de imprensa.

Estréia no dia 28 dezembro.

Antes de passar a película, o representante da editora Boitempo, que edita as obras de Marx (e Engels) no Brasil, esclareceu pontos importantes, como um boato surgido na que diz que o não seria lançado no país, o que fez com que aparecessem muitas cópias piratas de péssima qualidade circulando pelo país, com exibições fechadas “oficiais”, inclusive em universidades.

A distribuidora chegou a cogitar a não exibição oficial, mas manteve a postura oficial de seguir com o calendário. Foi esclarecido ainda que para estudiosos o filme é a oportunidade de perceber como foram criadas algumas das obras que eles são responsáveis por divulgar no país.

Filme: O Jovem Karl Marx O Gabriel Lucas - #OGL

O filme relata as reuniões  de que o jovem alemão participava, na Universidade de Berlim, onde participava do clube de doutores, e sua amizade e colaboração com Engels, de quem era admirador.

Além disso, mostra como foi obrigado a empreender peregrinações entre países e instituições, por ter uma conduta considerada extremista e radical, por seus contemporâneos.

Acompanhamos também sua vida amorosa e sentimental, assim como a de seu amigo.

É um filme com um tempo contido, com inúmeros diálogos e debates, que pode ser um pouco cansativo para quem não se interessa por .

Mas para qualquer outra pessoa, é uma excelente oportunidade de conhecer e se aprofundar pelo lado humano desse importantíssimo teórico.

Ele mudou a maneira das pessoas existirem e se relacionarem com as organizações privadas e instituições.

Filme: O Jovem Karl Marx O Gabriel Lucas - #OGL

Não precisamos ser jovens ou universitários para admirar o trabalho dele.

Ou sua influência e legado.

Mesmo que seja por mera curiosidade, o filme vale a pena de ser visto.

Situar as pessoas em seu lugar e época esclarece muito sobre sua contribuição ao mundo, e o filme faz isso muito bem.

Esse jovem não acreditava no caminho da bondade, do esclarecimento, da conversa, porque muitas vezes a teoria acaba realmente não se sustentando na hora em que se fazem necessárias.

Ele previu, praticamente, o colapso do sistema capitalista, o que segundo alguns, já aconteceu.

Em minha modesta opinião, não chegaria a ver a sua solução implementada na prática, se estivesse vivo hoje . Ou se vivesse mais uns cem ou duzentos anos (porque sou pessimista, sim).

Mas é muito interessante observar como idéias e conceitos podiam surgir em sua mente.