INSPIRADO EM CRÔNICA DE LUIS FERNANDO VERÍSSIMO, LONGA-METRAGEM DIRIGIDO POR HSU CHIEN CHEGA AOS CINEMAS NO DIA 4 DE MAIO

Danielle Winits interpreta uma severa juíza em “Ninguém Entra, Ninguém Sai”, longa de Hsu Chien que chega aos cinemas no dia 4 de maio. Em trecho inédito a autoridade da personagem fica evidente quando ela é recepcionada como Vossa Excelência no… motel. É no Zeffiro’s, o mais famoso da cidade, que ela costuma se divertir e, pela primeira vez, leva Acauã (Tatsu Carvalho), seu assessor e segurança.

Mas o que não esperava é ficar, numa noite, presa no local junto com outros hóspedes e funcionários, cercada pela polícia e pela imprensa. Produzido pela Caribe Produções, o longa tem coprodução e distribuição da com patrocínio da RioFilme, Embelleze, Rei do Mate e BRDE/FSA, além do apoio da Ancine apoio cultural da CiaRio, Agtal e Aruba.

“A Letícia é uma juíza e vai parar no motel pois terá um encontro com o assessor e segurança dela. Ela acaba nessa quarentena, dentro dessa confusão toda. E é divertido, pois tem um lado em que a personagem se coloca de forma, a princípio, sisuda e no decorrer do filme seu lado sensual e engraçado”, conta Danielle. “O interessante é ver que todos nós somos iguais e podemos ter as nossas , independente da profissão.”

Além de exibir uma prévia dos brinquedos que a dupla usa entre quatro paredes, o vídeo mostra também a reação de outros personagens ao tomarem conhecimento de que estão confinados no motel. Alguns tentam se dar bem com a situação, como o motoboy Edu (Emiliano d’Avila), que usa uma desculpa esfarrapada por telefone para faltar ao trabalho. Outros, como Margot (Mariana Santos), ficam indiferentes: “ninguém vai sentir minha falta mesmo”, diz ela.

Integram o elenco de “Ninguém Entra, Ninguém Sai” nomes como Danielle Winits, Tatsu Carvalho, Rafael Infante, Leticia Lima, Mariana Santos, Emiliano d’Avila, João Côrtes, Bella Piero, Totoro, Catarina Abdalla, Paulinho Serra, Renata Castro Barbosa, Anselmo Vasconcellos, Antonio Pedro, Guta Stresser, Monique Alfradique, André Mattos e Sérgio Mallandro.