untitled
Titulo Original: WRECK THIS JOURNAL: TO CREATE IS TO DESTROY
Autora: Keri Smith
Editora: Intrínseca
Ano: 2013
Páginas: 224
ISBN: 8580574161

Compre: Aqui
Sinopse:

Um diário costuma servir para anotar ideias, memórias ou registros do cotidiano. Keri Smith, ilustradora e artista canadense, inventou um tipo diferente de diário, que exige do usuário uma interação mais lúdica e inusitada. Com a proposta de estimular a criatividade e questionar convenções sobre a forma como lidamos com os objetos, Destrua este diário nos convida a rasgar páginas, rabiscar, pintar fora das linhas, manchar e até mesmo levar o livro para o banho.
A ideia surgiu quando Smith começou a refletir sobre o início da sua carreira como artista e percebeu que o perfeccionismo tão exaltado na nossa cultura era um grande empecilho do processo criativo. A experiência fez com que ela entendesse que é preciso esculhambar a monotonia e o lugar-comum para que o novo possa surgir.

Minha Experiência:


Este livro foi um dos meus primeiros livros interativos que comprei, eu comprei mais para passar o tempo, porém o que eu tinha em mente foi por água abaixo. Sabe aquele momento em que você tem uns amigos super “Zuoes”?! Então, o cabeça oca aqui levou o livro para a escola e confesso que só tive a oportunidade de utilizá-lo quando eu comprei, pois depois de levar a escola o pessoal se apossaram deste book.
Bom, tirando isso acho que depois que eu o comprei eu meio que me diverti também, vou contar para vocês o que houve:
Barbante
Adquiri o livro em uma MegaStore da Saraiva que possui dentro de um Shopping de minha cidade natal (São José dos Campos), durante as minhas férias, pois atualmente moro no Sul de Minas. Ai é que tá, possuo amigos que trabalham no shopping e eles me desafiaram a fazer o que a página demonstrada a cima sugere: “Amarre um barbante no diário. Vá passear. Arraste-o” e como já devem imaginar, “Desafio dado é desafio cumprido”, acreditem ou não, levei meu “diário” para ser meu cãozinho dentro do shopping, em pleno Sábado com o local um pouco cheio, porém não passei vergonha sozinho, eu sai do local junto a pessoa que me desafio para passar mico junto a mim. Subir
As férias acabaram, voltei para minas e dei de querer levar o livro para escola, pra que? Um ser da minha sala pegou o livro debaixo da minha carteira pois achou o título interessante no momento em que estava na minha mão. Pegaram o livro e pensaram que a sala tinha virado pista de Esqui e ficaram deslizando em cima do livro.
lapis
Enfim, mesmo eu não tendo feito quase nada no livro me diverti do mesmo jeito com meus amigos e irmãs que ficaram louquinhas querendo um pra elas. Abaixo vou deixar algumas fotos do estado em que o livro se encontra (super bugado), comprei ele no ano passado nas férias de julho e sim, só criei coragem de postar algo dele agora, por vergonha de seu estado (rsrsrs).
Seguem algumas imagens do que fizemos com ele: (clique nas imagens para uma melhor visualização

SAM_1829 SAM_1830 SAM_1831 SAM_1837

Opinião:
Capa
Antes que me perguntem, sim, embora eu não tenha participado de todo o desenvolvimento do livro, ele é super criativo e interativo, pode-se dizer que 50% desse criativo já está pronto e os outros 50% é você que desenvolve através de suas idéias.
SAM_1838
Não sei se é só eu, mas acho que deveria-se ter mais livros como este, Complete este livro, Jardim Secreto, Floresta encantada, etc, pois acho que eles fazem com que exercitemos nossa mente, a colocamos para funcionar, começamos a ver que não precisa você ser um design para ser artista ou para saber desenhar e tals, enfim, acho que vocês entenderam o que quis dizer com isso.
divisor3

Enfim, acho que minha finalidade com esse post não foi bem uma resenha, mas sim comentar minha experiência com o livro, até porquê, pelo fato de se tratar de um livro interativo não tenho muito o que falar, pois ao falar muito dele automáticamente estou dando spoilers. Mas comentem ai o que acharam da Resenha/Experiência.