Imagem retirada do site oficial do filme (http://perdidoemmarte.com.br)


Título Original: THE MARTIAN
Título no Brasil: Perdido em Marte
Autor: Andy Weir
Páginas: 336  ISBN: 9788580414486
Preço: R$ 31.90 (Compre com Capa Original | Capa Filme)
*Livro cedido em parceria com a editora

Sinopse:  Há seis dias, o astronauta Mark Watney se tornou a décima sétima pessoa a pisar em Marte. E, provavelmente, será a primeira a morrer no planeta vermelho. Depois de uma forte tempestade de areia, a missão Ares 3 é abortada e a tripulação vai embora, certa de que Mark morreu em um terrível acidente. Ao despertar, ele se vê completamente sozinho, ferido e sem ter como avisar às pessoas na Terra que está vivo. E, mesmo que conseguisse se comunicar, seus mantimentos terminariam anos antes da chegada de um possível resgate. Ainda assim, Mark não está disposto a desistir. Munido de nada além de curiosidade e de suas habilidades de engenheiro e botânico e um senso de humor inabalável , ele embarca numa luta obstinada pela sobrevivência. Para isso, será o primeiro homem a plantar batatas em Marte e, usando uma genial mistura de cálculos e fita adesiva, vai elaborar um plano para entrar em contato com a Nasa e, quem sabe, sair vivo de lá. Com um forte embasamento científico real e moderno, Perdido em Marte é um suspense memorável e divertido, impulsionado por uma trama que não para de surpreender o leitor.


Perdido em Marte é narrado, principalmente, em primeira pessoa pelo astronauta Mark Watney, um dos tripulantes da missão Ares 3, enviada a Marte para explorar e pesquisar a superfície do Planeta. No 6° dia (A contagem de dias em Marte é feita através do Sol e com horário diferente que na Terra) devido a uma forte tempestade os tripulantes são obrigados a abortar a missão. No período em que a missão estava sendo cancela, Mark sofre um acidente e ocasionalmente é deixado no planeta vermelho por aparentar estar morto.


O livro é bem detalhado o que pode ocasionar em uma leitura mais lenta e um pouco cansativa, mas ainda assim não deixa de te surpreender com os fatos.

Após a tempestade, Mark acorda e se da conta de que foi deixado para trás, mas também ninguém tinha culpa, já que toda a tripulação corria risco de vida foram obrigados a ir embora do local, e o tripulante não estava sendo encontrado pelo restante da equipe.

Mas enfim, após os acontecimentos, Watney ainda tinha que pensar em algo para que conseguisse sobreviver até a chegada da Ares 4. Por ser botânico e o solo de Marte não ser cultivável, foi bolado uma “gambiarra” para fertilizar o solo e o cultivar para plantação de batatas.

Sem comunicação, Mark não consegue contatar a Hermes (nave que fica na órbita e é responsável pela conexão dos tripulantes ao planeta vermelho, através de um VDM -Veículo de Descida a Marte- ), sendo assim, a informação que a NASA e os habitantes da terra possuíam até o momento era de que Mark Watney estava morto. Mas tudo ido muda com o esforço de Watney e de um trabalhador da NASA responsável por monitorar os satélites.

O resgate de Mark pode levar um bom tempo, já que para ir e voltar do planeta vermelho (Marte) é necessário cerca de 4 anos, para isso o astronauta precisa usufruir de todo seu conhecimento de botânica (para o alimento) e engenharia (para reparos eletrônicos e criação dos mesmos).

Como dito anteriormente, embora detalhado e um pouco cansativo dependendo da pessoa que o estiver lendo, por exemplo: eu, levei cerca de 2 semanas pra sair dele, mas embora eu tenha demorado tudo isso, a história não perde sua qualidade e te envolve, eu demorei por falta de vergonha na cara mesmo. (Eu acho! rsrsrs)

Além de ser uma leitura em primeira pessoa, também é uma espécie de diário, já que o personagem resume seus dias em, por exemplo: “Diário de Bordo: Sol 6”, e assim por diante. Vale ressaltar que as narrativas não estão apenas em Primeira Pessoa, ao decorrer dos capítulos nos deparamos com narrativas em terceira pessoa, como por exemplo quando a NASA e seus profissionais estão em contato com Watney, ou com a população.

Sem palavras para o final do livro que achei sensacional o desfecho da história, mas claro que não vou contar a vocês (se não não tem graça dar, Spoilers), se ta curioso(a) para saber se Mark conseguiu ser resgatado ou algo terrível o ocorreu, sinto dizer mas a leitura do livro será indispensável. #LeiaValeAPena

Super Recomendo | Leitura
indispensável para amantes
 de ficção científica 


Follow @blogftp