A resenha de hoje é bem rápida, sobre um livro bem pequeno com um assunto muito comentado principalmente no universo feminino. Muitos sabem que não sou o tipo de pessoa que aprecia muito ebooks, mas tenho que confessar que quando baixei esse no APP Kobo do meu Windows Phone. Resolvi ler esse livro por se tratar de um assunto um pouco “polêmico” e que muitos dizem saber o que é mas na realidade não sabem.

Após diversos feedbacks positivos que ouvi e li sobre esse livro e diversas indicações de booktubers e Blogueiros referentes a este livro, fizeram com que eu quebrasse meu preconceito com o universo dos ebooks e desse um jeito de ler “Sejamos Todos Feministas”. Preciso confessar que não me arrependi nem um pouco de ter dedicado menos de 1 hora para lê-lo todo.

Embora eu seja homem, achei super interessante o assunto abordado no texto/documentário, aqui nos deparamos com fatos que são comuns na Nigéria, mas se analisarmos bem os fatos isso ainda ocorre com frequência em alguns cantos do nosso Brasil, aqui nos deparamos com desigualdade salarial e limitações que o povo (homens) tem mania de impor se colocando superior as mulheres.

“Decidi falar sobre o feminismo porque é uma questão que me toca especialmente. Suspeitei que não seria um assunto muito popular, mas pensei que poderia começar um diálogo necessário. (…) No fim, a aclamação da plateia, com todos de pé, me deu esperanças.”

Por se tratar de uma espécie de documentário é normal que antes de lermos, pensarmos que o mesmo será meio tedioso e chato, mas isso é diferente com “Sejamos Todos Feministas”, a autora sabe envolver-nos no que ela está falando e isso acaba que nos deixando presos a leitura. Aqui nos deparamos com o modo ao qual as mulheres são tratadas pelo chamados “Machistas” e ainda entendemos o porque muitas que são tratadas de certa forma preferem ficar em silêncio.

“Decidi me tornar uma “feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens”.

O post de hoje não foi bem uma resenha, mas sim, mais um resumão do que o livro em questão aborda e uma indicação para que todos pudessem entender mais sobre o assunto. Independente de você ser Homem ou Mulher a leitura do documentário ou o próprio vídeo será de suma importância para você e seus conhecimentos. Antes de se intitular uma pessoa Feminista ou Machista entenda o conceito de ambas as palavras.

Sejamos Todos Feministas Book Cover Sejamos Todos Feministas
Chimamanda Ngozi Adiche
Documentário
Companhia das Letras
Ebook
36

O que significa ser feminista no século XXI? Por que o feminismo é essencial para libertar homens e mulheres? Eis as questões que estão no cerne de Sejamos todos feministas, ensaio da premiada autora de Americanah e Meio sol amarelo."A questão de gênero é importante em qualquer canto do mundo. É importante que comecemos a planejar e sonhar um mundo diferente. Um mundo mais justo. Um mundo de homens mais felizes e mulheres mais felizes, mais autênticos consigo mesmos. E é assim que devemos começar: precisamos criar nossas filhas de uma maneira diferente. Também precisamos criar nossos filhos de uma maneira diferente."Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente da primeira vez em que a chamaram de feminista. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. “Não era um elogio. Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: ‘Você apoia o terrorismo!’”. Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e — em resposta àqueles que lhe diziam que feministas são infelizes porque nunca se casaram, que são “anti-africanas”, que odeiam homens e maquiagem — começou a se intitular uma “feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens”.Neste ensaio agudo, sagaz e revelador, Adichie parte de sua experiência pessoal de mulher e nigeriana para pensar o que ainda precisa ser feito de modo que as meninas não anulem mais sua personalidade para ser como esperam que sejam, e os meninos se sintam livres para crescer sem ter que se enquadrar nos estereótipos de masculinidade. Sejamos todos feministas é uma adaptação do discurso feito pela autora no TEDx Euston, que conta com mais de 1 milhão de visualizações e foi musicado por Beyoncé.

  • Não somente na internet como também nas escolas, em casa, no trabalho e enfim em todos os lugares, esse livro é indispensável.

  • Concordo com você que esse é aquele tipo de leitura que deve ser lido e debatido principalmente nas salas de aula.

  • Leitura Indispensável para todos os públicos a partir da adolescência já, pois pode entender melhor o assunto ao invés de sair julgando sem saber. Por ser um livro pequeno e com pouquíssimas páginas, a leitura fluí de forma muito rápida.

  • Fico feliz por ter gostado!

  • Oii, tudo bem?
    Esse é um livro que estou louca para ler, adoro saber mais sobre o feminismo e faço parte da causa, esse livro parece ter sido feito para todos que lutam por esse mesmo propósito.

    Beijos

  • Aline Gonçalves

    Oie, tudo bom?
    Amei o tema desse livro, ainda mais com o ambiente que temos vivido atualmente, com o maior empoderamento feminino. Adorei a dica e espero ler em breve.
    beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

  • Janiele Silva

    Oi Gabriel tudo bem?
    Primeiramente parabéns pela resenha/resumo, não conhecia o livro e fiquei muito curiosa para lê-lo. Acho que na situação atual de nossa sociedade é de extrema importância nos atualizarmos e termos conhecimento daquilo que falamos, e o que vemos por ai é muitas pessoas que se intitulam feminismo e que não fazem nada daquilo que o movimento prega.
    Bjs

    http://www.leituraentreamigas.com.br/

  • Amores e Livros

    O ebook apareceu como indicação para mim no kindle, mas eu não sabia muito sobre ele então deixei para ver depois. Ler sua postagem me deixou pensando que preciso ler ele, até por que é algo comentado e super importante nos dias atuais e, é sempre bom estar informada e atualizada, não é mesmo?
    Beijinhos,
    Lica

  • Virgínia Estela

    Gostei muito! Parabens e sucesso. Beijos!!
    http://www.blogmayaralopes.blogspot.com.br

  • Esther Lopes

    Muito legal um homem falar sobre isso. O livro deve ser bem emocionante mesmo!

    Adorei!

    Beijos

  • Blog Confident

    Gostei muito do que se trata o livro. De fato muita gente não sabe o que é feminismo e muita dessa gente se diz feminista. Esse livro parece incrível até para quebrar certos padrões criados para a luta feminista. Com certeza irei procurar para lê-lo.

  • Esther B.

    gente, essa mulher hazô né? n conhecia esse livro, nem essa autora.. mas pelo que você falou, parece super interessante! e com certeza tem que ser um assunto abordado sim, no mundo todo.
    amei o post!!

  • Olhos de Coruja

    Olá Gabriel, tudo bem?
    Adorei sua resenha, estou com vontade de ler esse livro. Você escreve muito bem, parabéns!

    Olhos de Coruja

  • Mayara Lopes

    Esse assunto me chama muito atenção ! Porem não conhecia o livro, adorei os ponto principais que focou sobre ele em seu post. Realmente um fato a ser lido e discutido.

    Forte Abraço !

    http://www.blogmayaralopes.blogspot.com.br

  • Larissa – Srta. Bookaholic

    Oi, tudo bem?
    Confesso que não conhecia o livro, mas fiquei bastante curiosa com a leitura, porque não costumo ler livros que aborda esse tema e pela sua resenha parece ser um livro muito bem escrito.

    beijos :*

  • Jana Santos

    Eu ainda tenho uma forte barreira quando o assunto é o Feminismo(por ser um assunto complexo e alguma das minha opiniões não bater com o do movimento) mas a sua resenha me fez interessar pelo livro. E em relação a e-books, se abra ao novo, eu também tinha uma barreira com isso mas já quebrei e tô louca pra comprar o Kobo.
    Beijosss <3

  • Danni Silvaa

    oi
    não conhecia esse livro mas pretendo ler
    parece ser muito interessante.
    bjs

  • Eu, como feminista, tenho vergonha de falar que nunca li esse livro, apesar de conhecer o discurso! Quem nunca ouviu Fawless, afinal? haha
    Esse é um tema muuuuito importante e ainda bem que te tocou de alguma maneira! 🙂

  • Blog Declara

    Nunca li o livro dela, mas já acompanhei muito as coisas em que acredita e eu concordo plenamente com tudo. Tenho certeza de que vou amar o livro como você! <3

    blogdeclara.com

  • É uma pena que eu não tenha muito tempo pra ler esse ano. Tenho visto muitas resenhas e indicações de livros que me interessam mas não posso nem pensar em sair do assunto do meu TCC esse ano 🙁

  • Dani Jardim

    Que legal você ter falado sobre isso, muitos homens as vezes tem medo de falar sobre e sofrer preconceito. Não conhecia esse livro mas o assunto me interessa bastante, vou baixar o ebook também

    Beijos:*

  • Larissa Santana

    Que lindo você ter falado sobre isso.. Poucos homens que eu conheço se posicionam sobre o assunto. Na verdade, nenhum que eu conheça pessoalmente, já ouvi falar algo. Enfim, parece ser um livro super interessante e agregativo. Preciso ler! Realmente, falta muito nas pessoas saberem o que é o feminismo. Que indicação maravilhosa! Beijos <3

  • QUEEROOO!!!!
    O tema do livro é a coisa mais perfeita do mundo e algo que hoje em dia estamos todas precisando!!!
    Adorei a resenha <3

    Beijos da Sofia do blog Li Mais Um

  • Tais Alice

    Post e livro no estilo "utilidade pública"!!! Preciso urgentemente, assim como tantas outras pessoas, ler esse livro!
    Parece muito interessante além de esclarecedor.

    Um beijo.

  • Camila Gonçalves

    Não conhecia este livro mas achei muito interessante do que ele diz, sempre quis saber sobre este assunto e tenho certeza que este livro vai me ajudar.

    blogcamilagoncalves.blogspot.com.br

  • Eu já ouvi falar desse livro mas ainda não tinha lido. Muito boa a sua resenha e o assunto é polêmico e desperta a curiosidade.
    Ai quero ler também! rsrs Parabéns pelo post!
    http://www.pilateandosonhos.com

  • Eu gostaria de ler o livro, mas de cara não curti o comentário de que ela é "feminista e não odeia homem" . o movimento não prego o ódio, ng diz que ao ser feminista vc automaticamente odeia homem, mas sim luta contra o machismo e opressão. Enfim, só posso opinar lendo o livro, mas muito boa a sua resenha.

  • Essa autora é maravilhosa! Este ano já li Americanah e Ibisco roxo dela. Sejamos todos feministas eu ainda não tive a oportunidade de ler, mas não vejo a hora, pois além de adorar a forma como ela escreve e a clareza de suas ideias, penso que é muito importante discutirmos de uma maneira séria e madura sobre a importância do feminismo (o verdadeiro, não aquele da modinha) e sobre as consequências de cruzarmos os braços frente a uma sociedade machista que não se assume como tal. Ótimo post!

    Tatiana

  • Andrea Galvão

    Eu li esse livro há pouco tempo e posso dizer que gostei bastante. Também li rápido, como você, e adorei o modo como a autora colocou o assunto!
    Beijos,
    Déia
    Own Mine

  • Acho que hoje falar sobre o feminismo é um assunto muito polêmico mesmo e muitas pessoas entendem o conceito de forma errada, inclusive mulheres.
    Por exemplo eu sou mulher e acredito em direitos iguais, mas eu gosto de sair com meu noivo e ele pagar a conta por exemplo, ou de afastar a cadeira para eu sentar. Acredite ele ainda é desses!!! Muitos confundem cavalheirismo com machismo. Acho que tudo deve ser dosado de certa forma para não tornar algo tão inflexível.
    O conteúdo desss livro me pareceu bacana pois acho que elucida justamente esss ponto.
    Muito em breve vou ler.
    Bj
    Camila Bernardini Coelho

  • Eu simplesmente adoro tudo que têm vindo para dar força ao movimento de empodiramento feminino. Ainda que muitas coisas tenham mudado ao longo dos anos, muitas outras precisam de mudanças e inteirar-se de assuntos através de meios como os livros é um ótimo passo. Parabéns pelo texto. Fico muito feliz que tenha sido construtivo para você.

  • Olá meu anjo
    Muito boa a sua escolha de leitura.

    O Feminismo é um "movimento" liberatório para ambos os sexos. Sem comparações ou intuitos sociais de inferioridade entre homens e mulheres.

    Beijos
    http://poesiaqueencantavida.blogspot.com.br/?m=1

  • Ana Paula Lima Miranda

    Olá!

    Eu acho que hoje, o assunto está mais na "boca do povo" o que é ótimo, porém, muitas pessoas se apropriam disso para fazer comentarios desnecessarios ou sem fundamneto justamnete pela falta de informação.
    Não conhecia o livro e confesso que fiquei MEGA curiosa!

    Beijinhos

  • Olá,

    acredito que para a pessoa sair emitindo opiniões, antes precisa conhecer ou ler de fato sobre o que quer falar, assim não vai passar por um tolo, não vai ter uma opinião rasa e fútil. http://www.sagaliteraria.com.br

  • Lê Lendo Lido

    Oii
    To louca para fazer essa leitura. essa autora está sendo muito bem criticada ultimamente. Esse assunto é muito importante. Acho que tanto mulheres como homens devem fazer essa leitura!
    bjus

  • Hey,
    Eu tenho muita curiosidade com esse livro. Ele aborda um assunto que é super necessário ser discutido,e é como você disse, um livro que deve ser lido independente do gênero.
    Beijos,
    Dois Dedos de Prosa

  • Olá!

    Há tempos que quero ler. Parabéns pelo texto, não são todos que entendem a mensagem que a autora transmite. E esse mundo precisava de mais Chimamandas, ela é maravilhosa!!!

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

  • Gleyse Vieira

    Oi Gabriel, o que achei mais bacana na sua postagem, foi você ter lido esse livro, já que os homens, em geral, achariam o feminismo "mimimi" e tals… E de fato, conhecer é importante para evitar essa polemização toda que se faz a respeito do tema. Vou procurar para baixar agora mesmo. Bj

  • Mayla Henrique

    Oie,

    Só posso falar do livro quando eu ler, já irei baixar. É sempre bom as pessoas pesquisaram antes de falar. Para evitar todos esses transtornos que vemos hoje.

    Mayla

  • Oiie
    eu li o livro faz um tempo e também se tornou um dos meus favoritos, o jeito leve e interessante que a autora abordou o tema foi sensacional, queria muito ter visto ao vivo essas lindas palavras

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

  • Jessica Santos

    Oie. Acho que tem muitas pessoas na internet precisando ler este livro viu?! Qualquer coisa que falamos é mal interpretada e tomada como machista/feminista. Acho que antes de rotular uma pessoa desta maneira é preciso saber do que se está falando.
    Beijos
    Blog Relicário de Papel
    relicariodepapel.wordpress.com

  • Milla Alkimim

    Olá!!
    Não conhecia o livro, mas acho que ele é do tipo de grande utilidade, daqueles que a leitura deveria ser incentivada na escola, bem como os clássicos.
    As pessoas precisar parar de ser só mais uma no meio da multidão e saberem ao certo o que estão falando.
    òtima resenha.
    bjos

    http://paraisodasideas.blogspot.com.br/

  • Olá Gabriel! Esse foi um texto que abriu um pouco meus olhos, eu era daquelas que julgava não existir mais tanto machismo como diziam, principalmente em ambientes de trabalho. Até começar a ouvir de colegas, amigos e conhecidos, até mesmo familiares pensamentos completamente distorcidos do que era ser feminista. AH meu amigo, foi um prazer cada vez que eu ouvi um deles falar algo difamatório só para no final eu falar que era um feminista e mais, meu pai me apoiar…

    http://umreinomuitodistante.blogspot.com.br/

  • Quando tiver uma oportunidade leia, em menos de uma hora você vai ver que o livro já acabou e você nem o viu passar.

  • Realmente por se tratar de um assunto um pouco tanto "polêmico" e muito criticado, as pessoas ainda insistem que sabem o que é o conceito feminista mesmo não sabendo e acabam não lendo.

  • Tem que aproveitar a oportunidade que ele ta gratuito em formato digital pra ler e recomendar pro povo conhecer.

  • Então o livro é baseado no discurso que ela fez na conferência do TedX na África, ainda não tive tempo para ver o vídeo mas o verei assim que possível.

  • Aproveita que ta gratuito o ebook e baixa, eu ia comprar o físico mas a ansiedade e curiosidade pelo assunto falou mais forte.

  • Se tem uma coisa que eu acho ridículo é o certo preconceito que as pessoas tem em criticar o modo de vestir e agir das pessoas, cada um tem o direito de viver a vida da forma que achar melhor, do seu jeito, se ficarmos parando e ligando para as críticas das pessoas perante ao que fazemos ou deixamos de fazer, não estaremos vivendo para nós e sim para os outros.

    O ebook ta disponível em todas as plataformas de ebooks gratuitamente (se não me engano) é que eu não consegui linkar todas as plataformas e coloquei a que mais uso.

  • Eu iria comprar ele físico pois não tenho o costume de ler ebooks, mas não aguentei a ansiedade e curiosidade então quebrei meu preconceito com livros digitais. Este já foi o segundo melhor livro do ano que li.

  • Casa YT

    Vou baixar esse livro, também tenho preconceito com ebook, mas juro que vou tentar, deve ser gostoso sim. No meu caso amo documentário, então não acharia cansativo, esse livro pelo que vi deve ser lido por todos, principalmente por ser tratar dessa autora e por falar do feminismo como você disse questão muito abordada no século em que nos encontramos. Beijos

    http://www.casayt.blogspot.com

  • Este com certeza é um dos livros/documentários que eu irei rever/reler sempre que possível.

  • Então, o ebook dele acho que está gratuito para todos os eReaders, não linkei todos aqui porque não achei.

  • Realmente o título pode causar uma certa "polêmica" afim de muitos julgarem pelo nome e capa ao invés de julgar pelo conteúdo.

  • Leia e depois me diga o que achou, se gostar compartilhe com seus leitores, acho que todos devem saber interpretar melhor o conceito feminista.

  • Pra mim esse negócio de superioridade moral que homens se colocam é uma perca de tempo e uma bobeira.

  • Quando tiver uma oportunidade leia-o é muito bom.

  • Eu tenho em ebook TB, mas ainda não li. Ele está num desafio literário desse ano. Me interesso plo tema e vi o discurso dela, ela é incrível…

  • Fabrica dos Convites

    Acho que o título vai afastar muita gente da leitura do livro, felizmente temos as resenhas para ilustrarem melhor o enredo. Achei ótima a forma como as diferenças são apontadas e é livro que eu gostaria de ler.
    Bjs, Rose

  • Tatiana Petraccone Silva

    Após ler seu "resumão" e ver os comentários na postagem, todos elogiando o livro, fiquei bem empolgada para ler, vou procurar.
    Abraços

  • Li esse livro ano passado e fiquei de queixo caído, pois até ler ele e querer me aprofundar mais no assunto, eu era uma ignorante sobre o feminismo. Todos deveriam ler! Gostei muito do seu post.
    (O livro na verdade é um discurso que ela deu, tem o vídeo no youtube.)
    Beijos!

  • Gustavo Mendes

    Oi!
    Eu preciso muito deste livro porque feminismo é uma questão que eu acho interessante e necessária de se debater, e por mais que eu não tenha a opinião extremamente alienada que algumas pessoas tem, eu sei que eu não sei todos os conceitos do que realmente é ser feminista.
    Adorei o post!

    Abraços
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/

  • Lívia Santana

    Acho muito importante esse destaque que você fez sobre a Chimamanda ser feminista e gostar de salto alto e maquiagem. Já vi muitas mulheres intituladas feministas que acham que isso é opressão e acabam "excluindo" mulheres que se depilam e se maquiam do movimento. Acho que a questão está em você usar porque gosta e não porque sem a maquiagem você é feia. Gostei do seu resumo, estou até pensando em baixar o app do Kobo para ler gratuitamente. Só não sei se tenho memória no celular :/ não conhecia o seu blog ainda, mas gostei da forma como escreve. Parabéns!
    http://virtualcheckin.blogspot.com

  • Lívia Santana

    Acho muito importante esse destaque que você fez sobre a Chimamanda ser feminista e gostar de salto alto e maquiagem. Já vi muitas mulheres intituladas feministas que acham que isso é opressão e acabam "excluindo" mulheres que se depilam e se maquiam do movimento. Acho que a questão está em você usar porque gosta e não porque sem a maquiagem você é feia. Gostei do seu resumo, estou até pensando em baixar o app do Kobo para ler gratuitamente. Só não sei se tenho memória no celular :/ não conhecia o seu blog ainda, mas gostei da forma como escreve. Parabéns!
    http://virtualcheckin.blogspot.com

  • Oiiii!
    Li esse livro ano passado e ele me marcou demais!
    O melhor de tudo é que o download do e-book é gratuito por aí!

    Adorei a resenha!

    Nathalia Moraes
    http://dentro-das-paginas.blogspot.com.br

  • A Chimamanda é ótima, li esse livro ano passado e sempre presenteio os amigos com ele, este ano já comprei para cinco 😀 Acho as ideias dela muito válidas e essenciais para compreender a sociedade atual.

  • Marijleite

    Olá, muito bom você ter postado sobre esse e-book (que pode ser baixado gratuitamente na Amazon, caso alguém ainda não saiba). É uma leitura recomendadíssima e concordo que as pessoas precisam conhecer e entender o feminismo antes de sair criticando.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

  • Olá acredito que muita gente nem vai dar bola pra obra por causa do título. Por isso que adoro resenhas, nunca devemos julgar algo pelo nome ou pela capa 😉

    Beijokas da Quel ¬¬
    Literaleitura

  • Hayanne Deise Lins

    Ainda não conhecia o livro, e não sei o que dizer sobre ele, justamente por isso. Mas fiz o que você fez, baixei o ebook e vou começar a leitura para a resenha. Parece ser realmente interessante!

    Bjs
    Te convido a me visitar, também! ♥
    • Sentido Literário •

  • Oiii
    Adorei a postagem e posso afirmar que a maioria das pessoas não pesquisam como era o feminismo "antigamente". No qual ele se tornou agora, não vejo nenhum cabimento em querer os tais direitos que estão pedindo, não sei se é diferente, mas aqui na minha cidade é um caos.
    Com toda certeza irei ler, e gostei da sua sinceridade.
    Beijão

  • Olá,

    Nossa, você esta certo as pessoas tem que parar e procurar saber mais o significado das coisas antes de ir falando, não conhecia sobre o livro mais goste, vou procurar.

    Beijos